Com policiamento comunitário e ciclopatrulhamento, PM protege turistas e nativos da Ilha do Mel
20/03/2022 - 10:10

A Ilha do Mel é um dos destinos mais procurados do Litoral Paranaense. Durante o verão o fluxo de pessoas aumenta bastante e a Polícia Militar acompanha esta mudança, adequando o policiamento para atender a população e os turistas que chegam de todo Brasil e de outros países. 

A PM possui dois pontos fixos na Ilha do Mel: o posto do 9º Batalhão da PM, na Praia de Encantadas, e o posto do Batalhão de Polícia Ambiental-Força Verde (BPAmb-FV), em Nova Brasília. Esses locais funcionam o ano todo para garantir a ordem e a segurança pública do local e servem de base às equipes de reforço durante o verão.

No Verão Paraná – Viva a Vida 2021/2022 a PM enviou à Ilha do Mel policiais capacitados para fazer policiamento comunitário e ciclopatrulhamento. 

“Tivemos um reforço na Praia de Encantadas e em Nova Brasília, e nos finais de semana, também aplicamos a Patrulha Costeira”, disse o Comandante do 9º Batalhão de Polícia Militar (9º BPM), tenente-coronel Luiz Renato Rodrigues Júnior. 

Trata-se uma equipe com lancha que patrulha as imediações da Ilha e de outras da região, fazendo policiamento preventivo e atendendo ocorrências. 

Com apoio do Batalhão de Polícia Rodoviária (BPRv), o policiamento preventivo foi feito também no trapiche de embarque para a Ilha para busca de drogas e outros materiais ilícitos. “Todo esse trabalho é um reforço de policiamento nos finais de semana”, acrescentou o tenente-coronel.

No trapiche de desembarque, os policiais militares prestaram orientações diversas aos veranistas e, nas areias, o trabalho foi focado na distribuição das pulseirinhas de identificação para crianças. 

“Os turistas gostaram bastante, porque é um policiamento comunitário e muitos nunca tinham visto entrega de pulseirinhas em outros estados, então acharam uma ótima ideia”, disse a soldado Débora Dyana Montagnoli, que atuou na Ilha durante o Verão Paraná.

Além do trapiche e das praias, os policiais militares fizeram um policiamento preventivo constante nas trilhas, pontos turísticos, áreas comercial e residencial com patrulhamento à pé e com bicicletas. O ciclopatrulhamento, que nasceu de um projeto na cidade de Londrina e já chegou a outras regiões do estado, incluindo o Litoral, foi largamente utilizado para otimizar a chegada da equipe em ocorrências.

POLÍCIA AMBIENTAL – As equipes do Batalhão de Polícia Ambiental que trabalham na Ilha possuem contato direto com a comunidade nativa e com os turistas. Além de atenderem ocorrências relacionadas à crimes ambientais, em terra e no mar, os policiais militares também prestam orientações e auxiliam turistas.

“Nós somos bem-vindos na Ilha do Mel e temos contato com os moradores. Há vários anos atuamos aqui e somos bem receptivos com os nativos, seus familiares e com os turistas”, afirmou o sargento Claudio Aparecido de Paula. 

Durante o Verão Paraná, o trabalho preventivo foi intensificado em parceria com as equipes de reforço da temporada pelo 9º Batalhão, apoiando inclusive na entrega de pulseirinhas de identificação.

POLICIAMENTO COMUNITÁRIO – Foi conversando com moradores e comerciantes que os policiais militares aumentaram a interação e confiança das pessoas. A soldado Débora é testemunha da gratidão da população pelo trabalho preventivo feito na Ilha. Na temporada ela trabalhou em conjunto com os soldados Erik Augusto Bertoni e Cintia Aparecida Pliska, todos do Batalhão de Patrulha Escolar Comunitária (BPEC).

Para entender melhor as necessidades de turistas, moradores e comerciantes, a PM adotou um trabalho de proximidade com a comunidade por meio de visitas aos comércios e pousadas. Nestes encontros, os policiais se colocaram à disposição do cidadão e prestaram orientações.

“As visitas comunitárias foram bem aceitas pelas pessoas porque elas percebem que estamos dando uma atenção àquela comunidade e isso fortalece a Polícia Militar”, explicou a soldado Débora.

GALERIA DE IMAGENS

Últimas Notícias